Cinemateca do MAM

PROGRAMAÇÃO - 22 DE SETEMBRO

LOCAL: Cinemateca do MAM.
Av. Infante Dom Henrique, 85 - Praia do Flamengo.

14:00. SESSÃO MARGINAL XX

1. Cidadãos invisíveis.
Documentário, 24 Min, Natal/RN, 2019, Livre. Direção: Paulo Dumaresq.

Sinopse: O curta documental lança luz sobre a invisibilidade pública ao retratar a vida de três cidadãos que fazem da rua a sua morada ou local de trabalho, no Centro Histórico de Natal.

2. Meninas (In)visíveis.
Documentário, 18 Min, Rio de Janeiro/RJ , 2018, 12 Anos. Direção: Isabela Aleixo e Karla Suarez.

Sinopse: Como é ser mulher no DEGASE? Meninas Invisíveis traz um olhar sobre as vivências, experiências e visões das meninas que cumprem medida no sistema socioeducativo do Rio de Janeiro.

3. Através dos seus olhos.
Documentário, 12 Min, Guarulhos/SP, 2019, Livre. Direção: Fernanda Carvalho.

Sinopse: Com uma narrativa que parte de imagens, "Através dos Seus Olhos" é um documentário que nos leva ao mundo dos cegos. Os protagonistas, Otton e Jesus, utilizam dos olhos dos videntes para enquadrarem o mundo pelas suas lentes. Nossos videntes, Valter, Araçari e Genifer, são integrantes do grupo Clarear da cidade de Guarulhos. O documentário desmistifica a ideia de inclusão e mostra a importância da audiodescrição na vida do deficiente visual ou baixa visão.

CLASSIFICAÇÃO – 12 ANOS

 

15:15. SESSÃO MARGINAL XXI

1. Match.
Experimental, 01 Min, São Paulo/SP, 2017, Livre. Direção: Raquel Freire.

Sinopse: Duas pessoas desconhecidas setam n banco de uma praça. Uma conexão é estabelecida entre elas no silêncio de seus App's.

2. Reality.
Ficção, 03 Min, São Paulo/SP, 2018, Livre. Direção: Victor Nascimento.

Sinopse: As pessoas passam mais tempo na internet do que vivendo a realidade. A tela do computador, do celular se tornou uma entrada para um novo mundo ou de uma caverna na qual temos medo de sair? Afinal, o que é a realidade?

3. Mood.
Ficção, 03 Min, São Paulo/SP, 2019, Livre. Direção: Raquel Freire.

Sinopse: O curta Mood mostra como o humor de Elis é alterado durante as horas em que passa nas redes sociais. Além do humor, sua produtividade é afetada. É cômico, mas também é trágico.

4. Inhumane I.
Experimental, 19 Min, Vitória/ES, 2018, Livre. Direção: Luiz Will Gama.

Sinopse: O vídeo dialoga sobre o processo de desumanização que a sociedade está vivendo nas últimas décadas. As novas tecnologias nos aproximam ou nos distanciam? As relações pessoais estão sendo administradas por códigos binários, algoritmos, curtidas e número de seguidores. Quais serão as consequências dessa administração não humana? INHUMANE I dialoga sobre o poder das tecnologias na vida de um casal, mas também de certa forma nas nossas vidas. Trata-se de uma construção poética sobre o assunto.

5. Em cima do muro.
Ficção, 15 Min, , Salvador/BA, 2019, 10 Anos. Direção: Hilda Lopes Pontes.

Sinopse: Mergulhada numa depressão profunda, Amélia tenta encontrar nas redes sociais uma aprovação dos seus seguidores, mas, sua falta de bom senso quebrará toda suas expectativas de se tornar uma digital influencer.

CLASSIFICAÇÃO – 10 ANOS

 

16:45. SESSÃO MARGINAL XXIII

1. Do Samba ao Sample: Entre duas Culturas
Documentário, 15 min, Rio de Janeiro/RJ, 2018, Livre. Direção: Ruan Lucena.

Sinopse: O lendário sambista Paulo da Portela anda por Oswaldo Cruz e Madureira enquanto depoimentos sobre o feito do sambista vão sendo feitos. O rapper Chico Tadeu canta as glórias de Paulo e o conduz até o seu merecido reconhecimento.

2. Cambinda: onde nada se ensina, tudo se aprende. 
Documentário, 20 min, Nazaré da Mata/PE, 2018. Livre. Direção: Enoo Miranda.

Sinopse: Resistência do Maracatu Rural no interior do estado de Pernambuco, marcado pelo aniversário de 100 anos do Maracatu Cambinda Brasileira.

3. Itapocu.
Documentário, 25 min, , Araquari/SC, 2019, Livre. Direção: André Senna.

Sinopse: Itapocu é um curta-metragem documental que registra a comunidade quilombola de Itapocu no interior do sul do Brasil, e sua tradição centenária do Catumbi,um ritual sincrético que mistura dança, música e diversas manifestações afro-brasileiras.

CLASSIFICAÇÃO – LIVRE